domingo, dezembro 09, 2012

VIA CRUCIS

Momento desabafo.
Por obra do destino, aconteceu desta que aqui escreve, ir parar no blog de uma fulana rica.
Vou omitir -covardemente- o nome da bendita(e do blog) para não ser processada. Sim, porque rico adora um processo, e como sempre pode pagar os melhores advogados, ganha e fica cada vez mais rico. Parece uma lei natural, tipo rico casar com rico entendeu?
Daí que eu me interessei, porque de fato a fulana é muito rica. E alguém pode perguntar como eu tenho tanta certeza da riqueza da bendita, e respondo: pelas obviedades. Na verdade, o que me irritou foram as obviedades, motivo desta escrita.
Em alguns momentos do blog, a Dita (vamos dar esse nome carinhoso à ela) menciona itens sugestivos para o natal. Dentre estes itens, muitos vestidos que variam entre míseros R$2.989,00 e R$4.989,00.
Sério.
As fotos dos amigos e dos eventos que a Dita frequenta e cita - com naturalidade quase infantil - ficam em Dubai, Riviera Francesa, Ilhas Maldivas e por aí vai. Existe também no blog fotos de aniversários em família. Algo surreal.
Até os ursinhos de pelúcia tinham cara de ursinho rico.
Percebi coisas muito curiosas.
Gente rica acha "fofo" vestir filho igual o pai. Então o pai veste camisa listrada azul, bermuda branca e sapato marrom e o junior veste igual. Tudo de marca, óbvio! A mãe veste uma estampa de onça e a filhinha veste oncinha. Tudo muito "fofo".
E aí o povo, no caso a Dita, viaja pra descansar e assistir a uma partida de pólo.E ainda cita a presença de um fulano que "é o melhor jogador de pólo do mundo!". Quem quer saber quem é o melhor jogador de pólo do mundo?? Aliás, quem viaja só pra assistir a campeonato de pólo na Argentina?
Gente rica.
Havia fotos da Dita criança no blog, e a casa dela lembrou meus traumas de infância.
Todo mundo, ou quase todo mundo, teve um coleguinha rico na infância. Nada que se compare a Dita, pode acreditar. Mas as fotos dela com vestidinhos bufantes, em Orlando, na banheira de mármore (isso com uns 5 anos), lembraram a casa da minha amiga Mônica.
Essa minha amiga tinha uma casa com piscina e um quarto só dela. Uma vez fui na casa dela, e na hora do café da tarde tinha torrada e geléia. Isso era o ápice da riqueza pra mim: uma casa com piscina, um quarto só seu, e torrada com geléia no café da tarde.
Até hoje.
De uma certa forma, a Dita curou esse meu trauma.
Outra coisa que eu percebi é que gente rica adora parecer gente comum. O que é impossível...
Gente rica já tem cara de rico quando nasce.
Todo mundo no blog da Dita tem cara de rico. Impressionante.
E irritante também.
Pensar que você fica se programando pra conseguir viajar no Ano Novo, e a Dita gasta o mesmo valor fazendo drenagem, maquiagem e cabelo (tudo junto e no mesmo lugar) 2x na semana.
Eu comemorei o dia em que consegui comprar meu primeiro batom da Chanel e da Dior. Quase nem uso.
A Dita só posta "look" usando Chanel, Dior,  Dolce & Gabbana, Hermès...
Nada de 25 de Março meu bem, tudo original.
E outra coisa que aprendi foi que, rico só coloca foto de gente com nome e sobrenome. E sempre sorrindo.
Daí você não sabe se espera o metrô pra se jogar na frente dele (porque não tem Ferrari no meu bairro), ou se conforma que existe um mundo aonde só habitam seres muito especiais, tipo aquele filme do James Cameron em que o povo é azul. E eu sei que o parágrafo ficou gigante mas a minha indignação é muito maior tá?
E tem mais.
É um tal de "amo!!!" "fofo!!!" e "lindo!!!" que chega a ser até incompreensível. E tudo com muitos pontos de exclamação!!! Aliás, todas as frases tem pontos de exclamção, tipo " amei esse colar!!!" ou "esse scarpin é maravilhoooso!!!" E adoram repetir vogais mesmo que é pra intensificar o quanto é "maaara" a coisa citada.
Tô com inveja?
Ô se estou!!!
Mas tá tudo certo, e chega desse assunto que já me nauseou.
Como diria Coco Chanel: " uma mulher precisa de apenas duas coisas na vida: um vestido preto e um homem que a ame".
Eu tenho um vestido preto e um homem que me ama.
Preciso de mais nada fofa!!!










Você pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...