sábado, agosto 25, 2012

SOBRANCELHA - REALÇAR OU NÃO?

A sobrancelha de uma pessoa ruiva é algo interessante.
Na verdade, a de uma pessoa loura também é: ambas não existem.
Ou quase não existem.
As minhas são muito clarinhas desde criança, quando eu era uma gorducha loirinha, depois continuou a não existir, quando me tornei uma sardenta de dentes quebrados. Elas estavam lá, mas se resumiam a uns fios que podiam passar despercebidos facilmente.
Você nem liga pra esses detalhes estéticos quando é uma criança ou adolescente (na minha época, claro), mas na fase adulta uma sobrancelha bem desenhada muda o formato de um rosto.
Estou escrevendo tudo isso para partilhar, o que neste momento, é a minha via crucis: tingir ou não a dita cuja?
Se eu não tinjo, segundo uma amiga querida, fico parecendo um fantasminha, porque sou branquela e a sobrancelha desaparece. Na minha opinião, acho que vou aderir ao lápis. Mas e aí, vou precisar retocar durante o dia? Já acho um saco ter que retocar batom e blush...
Eu vi uma foto de Taylor Tomasi (outra ruiva "fabricada")e percebi que ela pinta com lápis.



Por outro lado a foto de uma outra ruiva, Cintia Dicker (não fabricada)praticamente sem sobrancelha.



Mas os olhos azuis da Cintia, fazem uma grande diferença! Eles são o destaque do rosto, e neste caso, o rosto vai ficar perfeito com as sobrancelhas realçadas ou não.
Mas veja que Christina Hendricks apesar de também ter os olhos azuis, realça as sobrancelhas, o que significa não haver um padrão.



Conclusão: bom senso.
Vou olhar no espelho e seguir o bom senso.
Tomara que eu tenha um, rs.

Imagens reprodução

Você pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...