terça-feira, outubro 25, 2011

DESFRAGMENTADA

Minha busca sempre foi confusa.Em alguns momentos eu queria seguir por um caminho e no outro já tinha mudado de ideia. Sempre admirei as pessoas que, determinadas, sabiam exatamente o que queriam, para onde iriam e como fariam para chegar lá.
Tenho uma dificuldade absurda em começar e terminar alguma coisa. Tenho certeza que existe uma explicação razoável pra isso em algum canto da física moderna, ou do espiritismo, ou quem sabe, nas salas dos psicanalistas, mas eu também me recuso a conhecê-las. Seria assumir que eu realmente não consigo começar e terminar nada.
Há dias em que tudo fica mais nítido e eu consigo me determinar. Mas a maioria dos dias não é assim. Não faço planos pra Ano Novo, listinha e essas coisas que um bocado de pessoas acha útil. Não adiantaria nada.
Também acho notável pessoas que fazem planos e traçam metas, mas comigo só acontece na base do "um dia de cada vez", e mesmo que eu interiorize a ideia e recite mantras, no final é sempre step by step.

Não é notável que um número de pessoas consigam ser disciplinadas, organizadas e metódicas?
Os desorganizados , como eu, costumam dizer que encontram e sabem exatamente aonde estão suas coisas, e que,  a coisa complica na verdade dentro da arrumação.
Claro que é tudo uma grande farsa. Assim como não sou determinada, e consequentemente demoro muitas milhas a mais pra conseguir qualquer coisa, também odeio a bagunça. Mas a negação é meu maior talento.
Costumo dizer, quando não consigo me organizar, que nada dessas coisas têm muita relevância na minha vida. Uma justificativa barata e convenhamos, ordinária, pra minha total incapacidade de conseguir me determinar a algo e seguir essa decisão.

Pode ser que eu seja covarde e exímia em arranjar desculpas pra me justificar, mas também deve haver alguma perda significativa em alguma coisa, qualquer coisa que seja, na vida destes que seguem meticulosamente a cartilha das boas maneiras e hábitos justos.
Preciso pensar que existe pra tornar menos omissa minha vida.
Não sou insensível, só detesto a hipocrisia dos que estufam o peito e varrem sua sujeira pra debaixo de seus tapetes.
Optei pela faxina.




Imagem: Reprodução

Você pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...