quinta-feira, junho 02, 2011

IT GIRL? IT'S ME!

Segundo o Wikipédia o termo "It Girl" é utilizado para se referir as garotas fúteis que criam tendências e influenciam as outras pessoas no modo de vestir, e etc. Segundo um blogueiro "famoso" o termo é utilizado para definir pessoas bem nascidas - entenda-se ricas- e que são referência na moda por ditar tendências.
Com as tais semanas de moda é um tal de It Girl pra cá e It girl pra lá que não acaba mais.
Eu pessoalmente, já que não sou blogueira famosa ou midiática, posso me dar ao luxo e definir - segundo o meu ponto de vista - essa estória de It Girl como uma abreviatura bizarra para....eu mesma! O que significa uma pessoa "bem nascida?" Eu sou uma pessoa bem nascida, ou seja, nasci com duas orelhas, dois braços, duas pernas e todo o resto em seu devido lugar, nasci em casa(portanto nasci legal!), e não tive resistência pra vir pra esse mundo e isso quer dizer que ninguém precisou forçar a barra me prometendo brindes e coisa e tal para que eu colaborasse e nascesse logo.Eu nasci numa boa, então sou "bem nascida".
Dizem que toda It precisa ter um bichinho de estimação.Eu tenho cinco gatos. 
Além disso um quesito báasico(tem que forçar as vogais pra ficar de acordo) é ser uma influência na moda e eu sou muuito antenada, assino várias revistas da Editora Abril e sou frequentadora de Brechó e Outlet. Quando chego no salão de beleza que frequento, Veroca minha hair specialist((precisa usar termos em inglês e não precisa fazer nenhum sentido), sempre diz que eu sou muito chic.Quer coisa mais beauty artist? 
E ainda tenho um upgrade- moro em um dos locais mais bem frequentados de São Paulo- I live in east, ou zona leste se preferir. 
Eu sou muito It Girl e essa descoberta é apenas mais um big step em minha vida, e agora que  sou uma uber blogueira só me falta um jet bronze pra dar um ar de saúde.
E pelo amor de Hebe Camargo, quando me reconhecer no metrô nada de pedir autógrafo, nada é mais out do que isso, acene de leve com a mão (se não for horário de pico) e abra uma revista de moda, hellooow!





ANOUKI BICHOLLA
Não é termo pejorativo é o nome de uma grife da Ucrânia, e no desfile de inverno 2012 convidaram uma banda chamada Kasaky pra abrir a apresentação. O que se viu foi rapazes usando um salto altíssimo fazendo performance de cair o queixo...



Vídeo: Reprodução.

Você pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...