terça-feira, dezembro 28, 2010

GENTILEZA OU GENTE LESA?


Olá meninos e meninas.
Vocês já ouviram alguma vez um tal de "e aê?"Parece um vírus e as vezes vem acompanhado de "que-ce-qué?"
Por favor, me digam o que é isso?? Isso lá é coisa que se diga ou se escreva a alguém?
Pode reparar que toda vez que uma pessoa vai cumprimentar outra que não conhece solta um "e aê?"
Gente, é muito feio.Ninguem deveria dizer uma coisa dessas a outra pessoa.E ainda há quem diga que é uma maneira gentil de conhecer alguem sem parecer muito "entrão".Eu prefiro a moda antiga.
Pôxa, o que aconteceu com o "oi, como vai, tudo bem?".Pelo jeito virou " e aê, beleza?".
Na minha modesta e antiguada opinião não se trata de gentileza e sim de gente lesa, de lesada mesmo.Pode reparar que esse povo do "e aê?" sempre usa o " que -ce-qué?" e também um "q q tá pegando?"
Tudo assim, bem abreviadinho.E feio.
Já comentei aqui que homem tem mania de chamar a mesma espécie de "véio".É um tal de "e aí véio?" pra cá " e aí véio?" prá lá, simplesmente insuportável.
Agora,  imagina só se resolverem facilitar a vida (deles) e emendarem essa lesera toda: " e aê, beleza?" " q ce qué véio?" " q q tá pegando?".
Por favor, avisem aos machos de plantão que nós, mulherzinhas do mundo todo, odiamos essa abreviação barata e idiota.
Da próxima vez que quiserem ser gentis, pelo menos emendem junto ao famigerado "e aê?" um "minha nêga" ou "minha gatinha", vai ficar menos doloroso de ouvir.
Valeu?


O PODEROSO SOFÁ


Dia desses estava em casa e comecei a olhar pro meu sofá com outros olhos.
Eu acho que ele tem vida propria e desejos obscuros, tipo engulir a minha vida social.Prá combinar com ele, a televisão e seus trezentos e noventa canais fica bem próxima, assim como uma comparsa disfarçada de entretenimento.Grande plano.
Quando sento nele parece que a vida voa,  e aí se alguem me convida pra fazer alguma coisa, bate uma preguiça...melhor deixar pra outro dia.E se deito então, é morte certa, só levanto se for pra ir pra cama.
Eu consegui me libertar do sofá, mas percebi que ele arrumou outra vítima: meu marido.
Quando meu marido deita naquele amontoado de espuma e sintoniza em algum jogo fa-bu-lo-so e sen-sa-cio-nal, eu simplesmente de-sis-to.
Não dá.É nocaute.
As vezes apelo pra um biquinho amigo, faço o tipo emburradinha pra ver se convenço, mas marido que se preze é ligeiro e percebe a jogada.Além disso, homem tem mania de metas e focos.Então ele  foca no jogo e mantém sua meta: assistir até o final.
Já pensei em colocar fogo no sofá, mas aí seria jogar a toalha e não sou mulher de amarelar.
A verdade é uma só: não subestime o poder do seu sofá.
Em caso de desespero, não tenha dúvidas: corte a tv a cabo.
Mas só por um tempinho...

Você pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...